sexta-feira, 23 de junho de 2017

LÍDER DO TRÁFICO DE DROGAS FOI MORTO EM CONFRONTO COM A RONDESP EM SIMÕES FILHO

Por Clóvis Gonçalves
Alexsandro Mota de Freitas, conhecido como “Márcio Coroa” ou “Cabeção”, morreu após trocar tiros com policiais da Rondesp RMS na localidade conhecida como Simões Filho1 na Região Metropolitana de Salvador, mesmo nome da cidade da região metropolitana de Salvador. O confronto ocorreu por volta das 14h30min desta última quinta-feira (22 de junho).
De acordo com a fonte do Informe Baiano, ao chegar no local, os militares foram recebidos a tiros por “Coroa” e outros dois suspeitos, que conseguiram escapar. “Coroa” chegou a ser socorrido para o Hospital Municipal de Simões Filho, onde foi constatado o óbito. Ele era apontado como o líder do tráfico de drogas nos bairros Big Áurea e Simões Filho 1.
Na ação foram encontrados um revólver calibre 38, 108 pinos de cocaína, um tablete de maconha, 10 trouxas de maconha e 3 pedras grandes de crack. Uma menor também foi apreendida e encaminhada para a 22ª Delegacia Territorial da Polícia Civil da Bahia, onde foi realizada o registro da ocorrência.

MUCUGÊ-BA: DROGAS SINTÉTICAS E MACONHA SÃO APREENDIDAS COM ESTUDANTES DE DIREITO

Por Clóvis Gonçalves

Drogas sintéticas e maconha são apreendidas com estudantes de direito em Mucugê
Cinco suspeitos foram detidos por militares da Companhia Independente de Policiamento Especializada da Chapada (CIPE/Chapada) da Polícia Militar, em posse de entorpecentes e outros objetos em uma casa no município de Mucugê, na região baiana da Chapada Diamantina, na manhã desta sexta-feira (23 de junho). De acordo com informações dos policiais, após denúncia de tráfico de drogas em uma casa, na Rua Samambaia, um homem não identificado foi abordado na frente da residência denunciada. 
Após abordagem do suspeito, os policiais fizeram uma busca no interior da residência, onde foram detidos os estudantes de direito de iniciais M.S.; B. L.; F.S.; L.T.; em posse de 10 adesivos e cinco comprimidos de LSD; quatro trouxas e uma quantidade não especificada de maconha, sete mudas da mesma droga, sacos para acondicionamento do entorpecente. Também foi encontrado com o grupo, um veículo Fiat Siena Flex, placa policial JOT-9449 licença de Salvador, além de quantias em dinheiro de R$ 713,15; U$ 11 e €5 euros, celulares, relógios e outros objetos.
Ainda conforme os policiais, o dono da casa afirmou ter recebido as drogas essa madrugada e que os entorpecentes foram transportados de Salvador para Mucugê pelos universitários, L.T. e F.S. .Todo material e os envolvidos foram apresentados na Delegacia de Mucugê. (BocaoNews)

BRASIL: PRESIDENTE DA CÂMARA DOS DEPUTADOS RECEBE ENVELOPE CONTENDO FEZES

Por Clóvis Gonçalves
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), virou um dos assuntos mais comentados das redes sociais no final desta semana, contudo, o motivo não é o mais agradável. Segundo publicações, o deputado teria recebido um pacote com fezes no início desta semana. O caso foi confirmado nesta sexta-feira (23 de junho) pela Coordenação de Polícia Judiciária do Departamento de Polícia Legislativa.
A “correspondência” foi postada em uma agência dos Correios, mas ainda não há confirmação de qual e também não se sabe a identidade do remetente, uma vez que o envelope não continha nenhuma informação. Imagens de câmeras de segurança estão sendo analisadas, mas a polícia ainda não chegou a nenhum suspeito.
A ação não poderá ser enquadrada como crime, está sendo tratada como uma “brincadeira de mau gosto” e pode ser classificada como uma contravenção, pois o grau de poder ofensivo é baixo. Até o momento, a assessoria de Maia não se pronunciou sobre o caso.(JN)

TRAGÉDIA: POLICIAL MATA OS EX-SOGROS E SE SUÍCIDA NA PRESENÇA DA FILHA


Por Clóvis Gonçalves


Um policial civil matou os ex-sogros e depois se matou  nesta última quinta-feira (22 de junho) em Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Conforme o G1, Marcelo Flávio Camardella Bravo, 41 anos, invadiu a casa provavelmente em busca da ex-mulher, que estava morando no local com a filha dos dois há oito meses, desde o fim do casamento. Ao chegar Marcelo atirou contra o ex-sogro, João Carlos da Rocha, 63 anos. A ex-sogra, Maria Diana da Rocha, 64 anos, tentou correr para fugir diante dos tiros, mas o suspeito também a alvejou. 
O policial tentou fugir com a filha, que tem 5 anos. Nesse momento, a ex-mulher, Luciana da Rocha, chegou em casa. Ela agarrou a filha e foi agredida pelo policial com coronhadas na cabeça. Ainda viva, a ex-sogra do investigador se aproximou e foi baleada novamente. A ex-mulher correu com a filha para o banheiro. O policial então foi atrás e se suicidou na frente delas com um tiro na cabeça.
Segundo relatos de testemunhas, Marcelo não aceitava o fim do casamento. Ele foi até a casa dos ex-sogros, na Rua Airosa Galvão, por volta das 10h30min. Em algum momento durante a matança, ele ainda atirou contra viaturas da Polícia Militar que foram até o local acionadas por vizinhos. Ainda segundo o G1, ferida, Luciana foi levada para o Hospital Estadual Azevedo Lima, mas já teve alta. A filha não teve ferimentos.
SEM PORTE
Para a polícia, Luciana contou que o ex-marido sofria de transtorno bipolar, era readaptado pela psiquiatria e não deveria estar com arma de fogo. Contou também que o ex-marido já tinha lhe agredido anteriormente. Disse ainda que acredita que se estivesse na casa quando o ex chegou teria sido morta por ele.
O policial já tinha trabalhado como agente penitenciário federal, em Mossoró, mas foi demitido por conta de um processo administrativo por improbidade. Ele morava próximo à casa dos ex-sogros e segundo familiares enfrentava dificuldades financeiras. Consultas em sistemas de crédito mostram cerca de R$ 30 mil em dívidas. (G1)

AUMENTA O NÚMERO DE VÉICULOS ROUBADOS ÀS VÉSPERAS DO SÃO JOÃO

Por Clóvis Gonçalves

Número de veículos roubados aumenta às vésperas do São João
Há três meses, o desemprego bateu à porta de Jackson Conceição Santos, 25 anos - foi quando ele decidiu fazer bicos como mototaxista. O que Jackson são esperava era ter a moto e novo equipamento de trabalho roubada - e em tão pouco tempo.  Ontem de manhã, ele foi à Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV) para registrar o roubo da moto. Jackson foi uma das 31 vítimas de furtos e roubos de veículos em Salvador e em três cidades Região Metropolitana somente no dia 21, véspera do início do feriadão de São João. Na capital, foram 28 ocorrências.   
O assalto que acabou levando Jackson até a DRFRV aconteceu anteontem, quando ele levava uma passageira até o final de linha do bairro de São Caetano. A  mulher era, na verdade, a isca de uma cilada. “Um deles puxou a máquina (arma) e mandou eu descer”, contou ele, que foi surpreendido por dois homens quando chegou ao destino combinado. O administrador Pedro Sampaio, 36, também foi vítima e teve o carro, um New Fiesta, roubado na Paralela. Ele havia parado para deixar um amigo. “Assim que ele saiu, entrou um cara, que aproveitou que a porta ainda estava aberta, sentou no carona e colocou a arma na minha barriga”, lembrou.  
pré-São João:   O número de roubos e furtos de anteontem é mais de 50% maior do que a média diária de 2017 entre janeiro e abril. De acordo com dados da Secretaria da Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA), nos quatro primeiros meses deste ano aconteceram 2.409 roubos e furtos de veículos em Salvador e RMS, o que dá uma média de 20 por dia.   Segundo o major André Borges, comandante da operação Apolo da Polícia Militar da Bahia, o número de roubos de veículos tende a aumentar na véspera de feriados prolongados. 
A média seria de 20 a 22 por dia e a proximidade do São João explicaria esse aumento.  “Em todos os períodos que antecedem qualquer fim de semana prolongado ou festivo, há uma tendência no aumento de roubos. As pessoas migram da capital para o interior, então a cidade fica vazia. Então não vai ter a oportunidade de o delinquente agir”, explicou.(VozdaBahia)

TRIO É PRESO COM MAIS TRÊS QUILOS DE MACONHA EM SENHOR DO BONFIM NA BAHIA

Por Clóvis Gonçalves

Fagner Oliveira Silva, Mariana Gonçalves Ferreira, ambos de 19 anos, e Nelson Lopes de Oliveira, de 20, foram presos, na última quarta-feira (21), por investigadores da 19ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), em Senhor do Bonfim, com 3,5 quilos de maconha, uma motocicleta dados não informados e mais de R$ 2 mil, em dinheiro.

O trio foi preso em cumprimento a mandado de prisão e de busca e apreensão, expedidos pela Justiça, durante uma operação deflagrada pela 19ª Coorpin da cidade de Senhor do Bonfim no estado da Bahia para combater o tráfico de drogas, naquela cidade. Um adolescente, que também estava com o grupo, foi apreendido e encaminhado ao Ministério Público (MP).
Além da maconha e do dinheiro, os policiais encontraram ainda 78 pedras de crack, embaladas para venda e mais uma pedra grande da mesma droga, no imóvel ocupado pela quadrilha. Fagner, Mariana e Nelson, vão responder por tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores. (Acordacidade)